Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


COMENTEM...

por SIC - Blog, em 06.01.08
Queria pedir a todos os visitantes do blog, para comentarem, darem as suas sugestões, tudo o que quisarem...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:02

NOVELAS DA MINHA VIDA(AGORA TODOS OS DIAS)

por SIC - Blog, em 06.01.08

 

O Rei do Gado foi uma telenovela brasileira produzida pela Rede Globo e exibida de 17 de junho de 1996 a 15 de fevereiro de 1997. Escrita por Benedito Ruy Barbosa, com a colaboração de suas filhas Edmara Barbosa e Edilene Barbosa, e dirigida por Luiz Fernando Carvalho, Carlos Araújo, Emílio di Biasi e José Luiz Villamarim. Teve 130 capítulos na versão internacional exibida em Portugal. A versão original foi ao ar com 209 capítulos.

O Rei do Gado
Formato/Género novela
Duração 50 min. aproximadamente
Criado por Benedito Ruy Barbosa
Diretor(es) {{{diretor}}}
Produtor(es)
Apresentador(es) {{{apresentador}}}
Elenco Antônio Fagundes
Raul Cortez
Patricia Pillar
Glória Pires
Fábio Assunção e grande elenco
Narrador(es)
Tema de abertura Rei do Gado, Orquestra Terra
Tema de encerramento
Exibição
País Brasil
Emissora de televisão Rede Globo
Formato de Exibição {{{formato_exibição}}}
Idioma Português
Transmissão original 17 de junho de 1996
15 de fevereiro de 1997
Qt. de temporadas
N. de episódios 209

 Trama

A primeira fase se passa durante a Segunda Guerra Mundial, nos anos 40. No interior de São Paulo, as famílias Berdinazzi e Mezenga têm uma rixa por causa de terras. Ocorre que os filhos das duas famílias, Giovanna Berdinazzi e Enrico Mezenga, se apaixonam, indo contra a briga de seus pais, Giuseppe e Antonio. Giovanna e Enrico se casam e têm um único filho, o qual recebe o nome de Bruno, em homenagem a um irmão de Giovanna, que morre na guerra e que era muito amigo de Enrico, apesar da inimizade entre as famílias.

A segunda fase se passa na época da exibição da novela, em 1996, e mostra Bruno como um bem-sucedido fazendeiro, conhecido pelo apelido de Rei do Gado, por possuir um grande rebanho. Homem de hábitos simples, para quem a riqueza é apenas algo a mais, Bruno vive um casamento infeliz com Léia e tem dois filhos, Marcos e Lia. Ao descobrir a traição de Léia com o motorista Ralf, Bruno se separa dela.

Ao ter que resolver o problema da ocupação de uma de suas fazendas, a de Pereira Barreto, por um grupo de sem-terras liderados por Regino e sua mulher, Jacira, Bruno conhece a arredia bóia-fria Luana. Os dois se apaixonam, sem saber que na verdade são primos, e ele começa a encontrar a felicidade, só que ainda terá de enfrentar um dos tios, o velho Geremias Berdinazzi, conhecido como Rei do Café e do Leite em Minas Gerais, já que os dois manifestam intenção de comprar as terras que pertenceram a ambas as famílias no passado. Mesmo tanto tempo depois, a rixa entre os Berdinazzi e os Mezenga continua.

A bóia-fria Luana, que vivia no acampamento dos sem-terra era na verdade Marieta Berdinazzi, a única sobrinha viva de Geremias, mas que há muito tempo estava desaparecida. Como não tinha herdeiro, a fortuna de Geremias sempre foi alvo fácil de especulações. E eis que surge então uma misteriosa Marieta, que aparece do nada, se dizendo ser a sobrinha que Geremias tanto procurava. Essa mulher na verdade se chamava Rafaela e era uma golpista [[de] olho na herança do produtor.

Rafaela foi capaz de tudo para se manter no posto de sobrinha e herdeira da fortuna da família, foi capaz até de cometer um atentado contra a própria vida de Geremias para que ele morresse logo e não a retirasse da herança. Mas por sorte a verdade surgiu e Luana ocupou o que lhe era de direito. Geremias ainda acabou encontrando um outro sobrinho na Itália, o jovem Giuseppe que retornou ao Brasil e herdou a herança do fazendeiro junto de Luana[[.]]

Aparício e Zé Bento são dois cantores apaixonados pelo sertão que decidem se juntar para formar uma dupla sertaneja, daí nasce Pirilampo e Saracura. A filha de Bruno, Lia, uma jovem meiga e doce, se apaixona por Pirilampo e contra a vontade da família, vai embora com ele pela estrada para viver seu amor dentro de um ônibus seguindo de cidade em cidade.

Já o filho de Bruno, o rebelde Marcos, era um jovem que não se preocupava com o amanhã, se envolve com a filha do senador Roberto Caxias e a ilude a ponto de a abandonar grávida. Um golpe duro demais para uma menina sonhadora que ainda tinha que conviver com a falta de atenção do pai que só tinha cabeça para sua fixação na luta dos sem-terra.

Elenco

Participações especiais na primeira fase

Trilha sonora

 Audiência

  • Foi um dos maiores sucessos da década de 90 na Rede Globo, com 52 pontos de média geral, e, em picos, chegou a alcançar os 70 pontos. Na reprise, a telenovela marcou também uma excelente audiência, com 24 pontos de média geral.
  • O último capítulo da trama teve 60 pontos.

Curiosidades

  • Primeira novela de Caco Ciocler, Lavínia Vlasak, Emílio Orciollo Netto, Mariana Lima e Marcello Antony.
  • Os personagens de Almir Sater e Sérgio Reis, Pirilampo e Saracura fizeram tanto sucesso na novela que o segundo cd da trama foi composto por oito faixas deles, assinadas com o próprio nome dos personagens que também se apresentavam na capa.
  • O núcleo dos sem-terra também foi muito bem defendido pelos atores Jackson Antunes e Carlos Vereza. Enfatizando bem a situação a que os acampados dos sem-terra passavam e as suas lutas por posse de terra em uma época em que eles eram visto pela mídia como usurpadores de terrenos alheios. A música que os representava era a Admirável Gado Novo, na voz de Zé Ramalho, gravada 17 anos antes.
  • Foi a novela mais vista de todos os tempos em Portugal, com 25,6% de audiência média e 75% de participação. Até hoje, nenhuma novela brasileira, ou, muito menos portuguesa, atingiu tal feito.
  • Na Reprise da Globo Internacional em 1999 teve mais capítulos do que aqui no Brasil.
  • A trilha sonora é a mais vendida de todas as novelas da Globo: mais de 1,5 milhões de cópias foram vendidas.[carece de fontes?]
  • Em uma cidade do Piauí, um senhor foi assasinado só porque chamou o outro de "O REI DO GADO", pois na novela houve o fato do tal rei ser traido pela esposa com a personagem Ralf "o Ricardão".

 Prémios

APCA (1996):

  • Melhor Ator - Raul Cortez
  • Melhor Atriz Coadjuvante - Walderez de Barros
  • Melhor Ator Coadjuvante - Leonardo Brício
  • Revelação Masculina - Caco Ciocler

Prêmio Contigo! (1996)

  • Melhor Novela
  • Melhor Atriz - Patrícia Pillar
  • Melhor Ator - Raul Cortez
  • Atriz Revelação - Lavínia Vlasak
  • Ator Revelação - Marcello Antony
  • Melhor Vilão - Oscar Magrini
  • Melhor Vilã - Glória Pires
  • Melhor Par Romântico - Letícia Spiller e Leonardo Brício

Troféu Imprensa (1996):

  • Melhor Novela
  • Melhor Ator - Raul Cortez

CRÉDITOS:Wikipedia

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:02

BONECA FLORIBELLA

por SIC - Blog, em 06.01.08

 

Depois de dar a cara a tricicolos, microfones, cozinhas, conjuntos de beleza e de moda, é a vez da boneca floribella, com as caracteristicas da actriz Luciana Abreu, ornamentar as estantes da secção de brinquedos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:47

SETE PECADOS NÃO ESTREIA ESTA SEGUNDA-FEIRA

por SIC - Blog, em 06.01.08

 

A telenovela "Sete Pecados" não estreia esta Segunda-Feira como chegou a ser anunciado, ao que tudo indica esta telenovela só estreará daqui a quinze dias, no horário das 18:00 horas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:32



Mais sobre mim

foto do autor



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2008

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031




Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2007
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D